Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2008

Factos Históricos - Baixa de Lisboa

 

 

A Baixa de Lisboa, também designada como Baixa Pombalina, por ter sido edificada por ordem do Marquês de Pombal após o terramoto de 1755 que destruiu parte da cidade, a Baixa situa-se entre o Terreiro do Paço junto ao Rio Tejo e o Rossio e longitudinalmente desde o Cais do Sodré até Alfama ao qual abrange uma área de 235,000 km2.

 

É formada por várias ruas rectas e perpendiculares. Muitas destas ruas são formadas por edifícios de arquitectura semelhante(os primeiros exemplos de conctruções resistentes a terramotos) e com uma grande importância comercial. Os modelos arquitectónicos foram testados para várias simulações de tremores de terra (com a utilização de tropas em marcha).

As várias particularidades importantes a anotar: giola pombalina: uma estrutrura em madeira e em simetria no interior do edificio para distribuir a força do eventual terramoto e paredes mais altas que o telhado para prevenir a progressão das chams em caso de incêndio.

 

A Baixa de Lisboa foi apreciada como candidata Portuguesa à lista de Património Mundial em 7 de Dezembro de 2004, declarando-se superior às áreas planeadas em Edimburgo, Turim e Londres.

publicado por Grupo 12º 8ª E.S.V.F. às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 21 de Fevereiro de 2008

Alteração do Edificio

 Devido à falta de documentação relativa ao Edifício Varandas (Campo das Cebolas, nº8), decidimos alterar o prédio escolhido na Zona de Alfama Rio para Arco de Jesus, nº 1-5.

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Grupo 12º 8ª E.S.V.F. às 16:05
link do post | comentar | favorito

Características dos Prédios Seleccionados

Rua da Conceição, nº 77

Área de Implantação: 141, 91 m2

Nº de Pisos: 6

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 0

Revestimento da Fachada: Pintada

Cor da Fachada: Amarelo

Época de Construção: Séc. XVIII

Estado de Conservaçáo: Muito Mau

 

Campo das Cebolas, Arco de Jesus, nº 1- 5

Área de Implantação: 519, 17 m2

Nº de Pisos: 4

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 0

Revestimento da Fachada: Pintada

Cor da Fachada: Ocre

Época de Construção: Séc. XVIII

Estado de Conservaçáo: Mau

Actividade Económica: Restauração

Arco De Jesus 5A

Área de Implantação: 128,17 m2

Nº de Pisos: 2

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 1

Revestimento da Fachada: Azulejo

Cor da Fachada: Azul

Época de Construção: Séc. XVIII

Estado de Conservaçáo: Mau

 

Rua do Ouro, nº 165

Área de Implantação: 256,39 m2

Nº de Pisos: 6

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 0

Revestimento da Fachada: Pintada

Cor da Fachada: Amarelo

Época de Construção: Séc. XVIII

Estado de Conservaçáo: Mau

Actividade Económica: Comércio A Retalhe

 

Rua  Ivens, nº 22/24/26

Área de Implantação: 426,36 m2

Nº de Pisos: 6

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 0

Revestimento da Fachada: Pintada

Cor da Fachada: Amarelo

Época de Construção: não definida

Estado de Conservaçáo: Muito Mau

Actividade Económica: Restauração

 

Rua Oliveira Ao Carmo, nº 30- 34

Área de Implantação: 60, 93 m2

Nº de Pisos: 5

Nº de Pisos Abaixo do Solo: 0

Revestimento da Fachada: Pintada

Cor da Fachada: Amarelo

Época de Construção: Séc. XIX

Estado de Conservaçáo: Mau

Actividade Económica: Comércio A Retalhe

publicado por Grupo 12º 8ª E.S.V.F. às 15:48
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

Estudo da "Degradação da Baixa Lisboeta": Inquérito por Questionário

Dia 14 de Fevereiro de 2008, pelas 13:45h o grupo dirigiu-se para a Baixa-Chiado com o objectivo de realizar os inquéritos sobre o estado de degradação, tanto a nível comercial, de habitação, acessos e transportes.

Foram realizados 20 inquéritos a comerciantes e ficaram por fazer os inquéritos aos habitantes, os inquéritos em falta serão realizados mais tarde, com o objectivo de abordar outro grupo de inquiridos (habitantes) concluindo, assim, o nosso estudo.

 

Em breve publicaremos os gráficos obtidos.

 

E aqui ficam os exemplares dos questionários feitos:

 

Escola Secundária de Vergílio Ferreira
Inquérito por Questionário
 
Estudo sobre a “Degradação da Baixa Lisboeta”
 
Autores – Alunos do 12º ano da disciplina de Área de Projecto
Público-Alvo – Comerciantes da Baixa Lisboeta
Data: Fevereiro 2008
 
1. Indique o seu grau de satisfação com a zona em que trabalha:

 
 
 
 
 
Muito pouco satisfeito
Pouco satisfeito
Satisfeito
Muito satisfeito
Muitíssimo satisfeito

 
2. Gostaria de trabalhar noutro sítio?            Sim □        Não
Porquê?
_____________________________________________________________________
 
_____________________________________________________________________
 
3. No seu negócio, alguma parte dos seus impostos vai para a Câmara Municipal?
Sim □                                               Não
3. 1. Se respondeu sim, já sentiu benefícios nesta zona por isso? Sim □         Não
                                    Em quê?
 
_____________________________________________________________________
 
 
4. Indique de 1 a 5, por ordem de preferência, o que mudaria na zona em que trabalha:

 
 
 
 
 
Habitações
Ruas e pavimentos
Estacionamento
Transportes
Comércio

 
5. Indique o que pensa necessário para concretizar, de facto, mudanças nesta zona.
 
_____________________________________________________________________
 
_____________________________________________________________________
 
_____________________________________________________________________
 
 
6. Indique as consequências que desejaria que resultassem dessas mudanças, na sua zona de trabalho.
 
_____________________________________________________________________
 
_____________________________________________________________________
 
_____________________________________________________________________
 

Obrigada pela sua colaboração!

publicado por Grupo 12º 8ª E.S.V.F. às 09:32
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 7 de Fevereiro de 2008

Visitas ao Arquivo Municipal de Lisboa

Visitas ao Arquivo Municípal de Lisboa(Rua B Bairro da Liberdade) para consulta e reprodução de plantas dos edifícios:

Dia 25 de Janeiro 2008, às 14:30h um dos elementos do grupo (Diogo Lopes) deslocou-se ao arquivo para proceder à consulta e levantamento das plantas existentes relativas aos edifícios da Rua Conceição, nº 77 e Campo das Cebolas, nº 8, Arco de Jesus que foi seleccionado devido à inexistência de documentação referente ao edifício Varandas; em relação ao nº 77 da Rua da Conceição a planta não se encontra completa.

 

Dia 30 de Janeiro 2008, às 15h outro elemento do grupo (Catarina Carvalho) deslocou-se ao arquivo para proceder à consulta e levantamento das plantas existentes relativas aos edifícios Rua do Ouro nº 165 e Rua da Oliveira ao Carmo, nº 30- 34, a planta deste último também não se encontra completa.

publicado por Grupo 12º 8ª E.S.V.F. às 15:45
link do post | comentar | favorito

.mais sobre nós

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds